AVES

BOLOS

CARNES

CEREAIS

OVOS

PESCADOS

VERDURAS
E LEGUMES


 


COMIDAS TÍPICAS DA REGIÃO CENTROESTE


       A Cozinha Goiana é basicamente de origem indígena mas também, teve influência de Mineiros e Paulistas que no final no século XVIII, buscavam ouro nos sertões goianos.

Já em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul prevalece a Cozinha Pantaneira
( os pratos são preparados basicamente com peixes do pantanal ).

Goiás - O prato que mais sobressai é a GALINHADA ( arroz com galinha ) com pequi ou guariroba - Syagrus oleracea (Mart.) Becc. Palmeira usada na arborização ( espécie de palmito amargo comestível). O pequi é uma fruta aromática e de coloração amarela, típica do cerrado goiano que se servido inteiro deve ser raspado e não mordido, pois no seu interior, possui centenas de espinhos difíceis de serem retirados.

         Outros pratos muito comuns são: EMPADÃO GOIANO ( empada com recheio de frango, carne de porco, lingüiça , guariroba e queijo), PEIXE NA TELHA ( surubim ou pintado preparado em recipiente de barro pode ser assado ou tipo molho), ARROZ COM SUÃ ( espinha de porco ), ANGU ( um tipo de mingau feito com o polvilho do milho que pode ser temperado com sal, pimenta e cheiro-verde ou servido no seu natural), PAMONHA ( feita com a massa do milho verde pode ser temperada com açúcar, creme de leite e queijo ou com sal, lingüiça, pimenta, etc - a pamonha pode ser preparada utilizando-se a própria palha do milho onde é colocada sua massa e cozida em água fervente, assada ou frita ), CURAU ( mingau feito com o polvilho do milho e leite ), PIRÃO (farinha de mandioca preparada com caldo de costela de vaca, frango ou peixe).
Os alimentos preparados a partir do milho e mandioca são de origem indígena.

Mato Grosso - Influenciados pela culinária pantaneira, a comida típica matogrossense é basicamente feita com peixes do pantanal.
Os pratos mais tradicionais é a MOJICA (ensopado no qual o filé de pintado é cortado em cubos e cozido junto com mandioca, cheiro-verde, cebolinha e coentro em uma panela de barro, VENTRECHA ( costela de pacu frito - deve-se tomar cuidado com as espinhas ), FILÉ DE PIRAPUTANGA frito.
Os pratos geralmente são acompanhados de farofa de banana, arroz e pirão.

Mato Grosso do Sul - Cozinha pantaneira. O peixes pintado e pacu são os preferidos na preparação dos pratos típicos.
O PINTADO A URUCUM é um prato muito pedido e, ao contrário do que o nome sugere, não leva urucum ( sementes de coloração avermelhada, usada pelos índios para pintar o corpo e, como tempero e corante de alimentos ) no tempero. Seu nome vem de uma receita inventada pelo cozinheiro de uma mineradora que operava na exploração de ferro na Serra do Urucum, em Corumbá.
O peixe é feito à dorê, com creme de leite e leite de coco ou molho de tomate e gratinado com mussarela. O PINTADO também é servido ensopado. O PACU, prato do ribeirinho e do pantaneiro, é servido frito ( devidos às suas costelas e muitas espinhas deve ser comido com as mãos ). Outro prato típico do pantanal é o CALDO DE PIRANHA ( considerado afrodisíaco ) e a CARNE DE JACARÉ. Assim como no Mato Grosso, os pratos são acompanhados de arroz e pirão.